5 de set de 2013

Continuação CAP.5 - Caótica "Expectativas"




LUCAS
Depois de tanto jogar Assassin's Creed, algumas cervejas , que os caras beberam - muitas latinhas de Coca-Cola, que eu bebi e ouvir mais de três vezes o Marcelo contar a noite mais maravilhosa de todos os tempos, me despedi de todos e fui para casa.
Apesar do meu plano idiota de encontrar Lola ter falhado, eu me distrai e claro, me diverti muito indo até o apartamento do André.

No tempo em que estive lá, meu pai me ligou 2 vezes para primeiro:
Saber onde eu estava e segundo:
 Se eu estava bem e quando iria voltar.
Entro em casa e encontro papai sentado em sua velha poltrona na sala, vendo o Tele Jornal na TV.
-Ah, você chegou! 

-Boa noite pai, desculpa ficar o Domingo quase todo fora, fui a casa de um novo amigo e me distrai.
-Tudo bem filho, espero que tenha se divertido - São aqueles dois garotos da faculdade?
-Sim, Marcelo e André, tinha mais um cara do prédio deles, mas o cara também é legal.
Papai balança a cabeça em sinal positivo.
-Bom, muito bom que você já está se adaptando.


Me sento no nosso sofá marrom de couro,escolha da minha mãe e lhe pergunto como foi seu dia hoje.
-Foi muito bom, consegui achar a casa que um dia seus avós e mãe viveram - Está um pouco diferente de como ela me contou que era - No lugar do cercado, agora tem muros e um portinhola de ferro, as janelas que eram de madeira, agora são de alumínio, mas o pé enorme de goiabeira que sua mãe tanto subia estava lá, isso me deixou muito feliz

Meu peito dói só de ouvir meu pai contar tudo.
Meus avós a muito tempo já se foram.
 Esse foi o motivo da mamãe não ter aguentado ficar aqui,vendeu sua casa e foi começar do zero na cidade grande em São Paulo e nunca mais voltou.
No início era por não se sentir bem com a dor das lembranças que o lugar lhe dava, depois quando a saudade falou mais alto e ela quis voltar, meu pai nunca tinha muito tempo para ficar em casa e muito menos para viajar
E quando eu reclamava de sua ausência em nossas vidas, ela me dizia que papai também sentia por não estar conosco, mas fazia isso para nosso bem, para termos uma vida e futuro melhor.

Deixo as lembranças de lado e foco minha atenção em nossa conversa.
-Que bom pai,fico feliz pelo senhor - Se não se importa, vou subir para o meu quarto, tomar um banho e me deitar - Amanha tenho aula e pretendo achar logo um novo emprego, não quero que  arque com todas as despesas e ainda mais a mensalidade da faculdade.
-Faca como quiser filho, se é isso que queres - Tenha um bom descanso, daqui a pouco também irei me deitar. 

Levanto-me, dou boa noite ao meu pai e começo a subir as escadas quando ele me chama.
-Lucas?
Paro e olho em sua direção.
-Oi pai, algum problema?
Ele me olha, suspira e por fim fala.
-Desculpa por tudo que fiz e agora por isso - Você não tem culpa pelos meus erros e mesmo assim lhe trouxe para cá por causa deles - Obrigado por me apoiar  e nunca jogar isso em cima de mim.

Surpresa me percorre, não esperava tais palavras vindas dele.
Mas mais surpreso fico comigo mesmo pela minha resposta.
-Somos só eu e você, ainda somos uma família e família de verdade apoia uns aos outros, sempre.
Papai sai de sua poltrona, sobe cada degrau até chegar a mim.
Seus olhos brilham pela emoção e logo seus braços estão a minha volta em um abraço apertado.
-Eu Te Amo filho - Eu e você somos uma família com toda certeza!

Essa é a primeira vez que ele diz que me ama, estou assustado e ao mesmo tempo maravilhado em como essas palavras realmente trazem com ela tão bons sentimentos.
Retribuo o abraço sem jeito e lhe digo que apesar de tudo ele é meu pai e eu também o amo, muito.
Nos despedimos e vou para meu quarto.
 Ao chegar, não faço nada além de me jogar com tudo na cama.

Só quero ouvir o silêncio, observar a escuridão do meu quarto e não pensar em nada.
Algo vibra ao meu lado, é meu celular avisando-me que perdi uma chamada do Pedro, meu melhor  amigo de São Paulo.
Começo a digitar seu número quando algo me vem em mente.
Lola usou meu celular para ligar para sua mãe. 

-Ó Deus, se ela não apagou o número...
Apago o número recentemente digitado e vou direto para chamadas realizadas no sábado .
E,  lá está... Um numero desconhecido por mim, gravado preciosamente em minha ligações.

-É isso caramba! Tenho uma chance, uma chance de falar com ela.
Por um impulso, clico em rediscar e ponho o celular no ouvido.
Meu coração dispara como um louco quando a linha chama.
Chama, chama e chama, ninguém atende.
Estou tendo um ataque do coração?
Porque é essa a sensação que estou tendo!
Meu peito está apertado e meu coração dói.
Estou tremendo e minhas mãos soam.
-Atende, atende... Alguém atenda esta merda!
-Alô?
Puta merda, alguém atendeu!

Continua...


CAPÍTULOS ANTERIORES ABAIXO. 

37 comentários:

  1. O Lucas é um fofo. Adorei a ideia do celular! haha
    O "Puta merda, alguém atendeu!" foi ótimo!
    Já disse e repito, vc tem talento para a escrita.
    Amiga tenta transforma "caótica" num livro, eu compro! :)
    Estou amando a história!
    Te adoro.
    Bjs

    http://achadosdamila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado mesmo amiga! não sabes como vc tem sido importante pra mim.

      Excluir
  2. Gostei do ''Puta merda , alguém atendeu ''! E ''É isso caramba! Tenho uma chance, uma chance de falar com ela.''
    A Senhorita tem um belo talento para escrever , no futuro você pensa em seguir essa carreira ? \õ/

    ~Beijocas na xexa~
    cha-de-boneca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Bom dia!!!
    Você escreve bem, faz com que nossa atenção se prenda a história e ao desfecho.
    Seu estilo é suave e determinado, bom de entender o recado.
    Parabens!!!
    Já pensou em "suspense", mas nada tão medonho, algo que nos faça ter uma expectativa forte...
    Ah! devaneios meus.
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Ritinha,fico tão feliz!
      Adorei sua ideia viu!

      Excluir
  4. " Você não tem culpa pelos meus erros e mesmo assim lhe trouxe para cá por causa deles - Obrigado por me apoiar e nunca jogar isso em cima de mim." e -Atende, atende... Alguém atenda esta merda! / -Alô? / Puta merda, alguém atendeu!- melhores falas do texto
    amei como acabou!
    bjs
    querosabertudo-k.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Ain, estou apaixonada por essa história, e por Lucas, ele é tão, tão tão..
    .. cupcake *-* (fofo)

    beijos ~
    Luna
    www.g-e-s.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nanda, sua liinda rs
      Vi seus comentário la no blog, sobre me mandar o livro da Meg por e-mail, awn, eu adoraria.
      stts: dando pulos de alegria.

      e-mail: garotasemserie@hotmail.com

      Excluir
    2. Obg por gostar e acompanhar! ja lhe enviei os livros!

      Excluir
  6. Tem uma criatividade incrível (:

    ResponderExcluir
  7. Muito booom, bjinhos
    passa?
    tardes-de-outono-perfect.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Adorei o final "Puta merda alguém atendeu!", to doida para saber como sera quando eles conversarem.
    Bjooss
    lohhcazz.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha já ta pertinho de saber!

      Excluir
  9. Respostas
    1. Fico feliz,espero que continue a acompanhar!

      Excluir
  10. Continua logo!! To in-love com o Lucas.

    http://vivendocomodeve.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ai eu quero ver a continuação, fiquei curiosa *-*
    vestindo-ideias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha que bom Carlinha,breve tem mais!

      Excluir
  12. aaaaaaaaah ta ficando mt bom, acho maravilhoso voce colocando aspecto por aspecto! bjs, Kellen Oliveira.
    pedacosdelembrancas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpa, estar passando novamente aqui, só queria que voce me ajudasse numa decisão no blog, passa lá quando der, bjs

      pedacosdelembrancas.blogspot.com.br/2013/09/enquete.html

      Excluir
    2. Obg e não tem nada,já fui até lá!

      Excluir
  13. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  14. Gostei do Lucas. Na verdade, eu sempre curto esse tipo de personagem. Lerei as próximas partes, super curto contos divididos em blog, acho que as vezes ficam mais bem escritos.

    ResponderExcluir
  15. Nosssss, voc escreve mt bem. Parabéns.
    BUNNETS.BLOGSPOT.COM

    ResponderExcluir
  16. Tenho que ler os cap. ateriores ainda! rs
    coloca tudo em pdf!

    beijos,
    http://blogesteffanifontes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Está tudo disponível,é só vc clicar no link e ler.

      Excluir
  17. Sempre me deixando curiosa hein amiga? Vou já ler a continuação


    BLOG
    MUNDO DE BLOGUEIRA

    TWITTER
    FACEBOOK

    beijos

    ResponderExcluir
  18. estou seguindo, espero sua visita -]
    adorei, vou ler cap anteriores, um grande beijo
    -http://piraremos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

*Deixe seu comentário aqui.
*Deixe sempre o URL do seu blog para que eu possa retribuir a quem realmente leu e comentou o conteúdo do post.
*Será totalmente desconsiderado quaisquer assuntos que fuja do assunto referente a tal post.
*Responderei a todos assim que poder!
*Educação sempre né gente, então nada de comentários maldosos.
Obrigado.

♥ Theme por Erica Pires e Edito por Nanda Tavares © 2013 • Powered by Blogger • Todos os direitos reservados •• Topo