12 de ago de 2013

Caótica-Cap4 "Confiar"



 Perdeu algum capitulo? clique no link abaixo e acompanhe:


Lola

Sonhei com ele.
Lembro-me de não conseguir ver nada a não ser repleta escuridão.
Meus olhos estão fechados?
Antes que eu os tente abrir, sinto algo quente e úmido dentro de minha boca.
Uma língua brinca internamente em minha boca procurando pela minha, que por fim se entrelaçam uma na outra.
 Jesus do meu lindo céu azul! Não quero que ele pare.

Por isso, aprofundo nosso beijo forçando sua boca a minha, chupo sua língua, estou faminta por ela e isso o faz gemer.
Em resposta a minha provocação, sinto seus lábios extremamente carnudos sugarem meu lábio inferior, me fazendo ir a loucura.
Alex nunca me beijou tão faminto assim, o que deu nele?
Logo os pensamentos me fogem a mente, pois é neste momento que ele me ergue com seus braços, fazendo com que minhas pernas abracem seu abdômen rígido, ele está louco de desejo, eu também estou.
Mordo seu lábio e corro minha mão aos seus cabelos, procurando perder meus dedos em seus cachos, não os sinto.
Em vez de sedosos cachos, meus dedos deslizam em um cabelo liso e muito,muito sedoso.

-Lorena, o que você está fazendo? A voz alterada de Alex chega aos meus ouvidos.
Assustada e sem entender nada, abro imediatamente meus olhos.
Espanto me percorre a face, gelo paralisa meu sangue.
Olhos como dois túneis negros me encaram, ainda estou em seu aperto, nossos lábios ainda selados.
Não é Alex, mas Lucas quem eu estava beijando.
-Lorena, o que espera? Explique-se agora! Alex berra ainda mais alto, me deixando mais atordoada.
Desesperada, tiro meus lábios dos de Lucas ,me soltando de seus braços com intenção de me explicar a Alex.
 Não faço ideia de como tudo aconteceu, de como fui parar aos beijos com Lucas e nem de como fui parar nessa situação constrangedora .

Ando em direção ao meu ex, porem antes de alcança-lo Lucas agarra meu braço ,impedindo-me de me afastar muito dele e ao seu toque todo o mundo volta ao seu sentido, como se Alex nunca tivesse passado pela minha vida, como se nunca tivesse destruído meu coração,como se Lucas ao me tocar apagasse toda dor, toda raiva, todo medo e só existe amor, amor e amor.
Então não luto contra seu aperto, volto-me para ficar ao seu lado e ele pega minha mão, nossos dedos se entrelaçam, tudo me parece certo.
-Lola, amor, está escolhendo este aí em vez de mim? Diz Alex com a voz carregada de dor.
Lucas segura fortemente minha mão,seu rosto mostrar a fúria como resultado por tais palavras ditas.
-Você teve sua chance seu babaca, nunca mais a chame de seu amor! Lola agora pertence a mim e fomos destinados um ao outro!

 POFT!
Acordo estatelada no chão.
-Au! Minha testa dói com a pancada e meu cotovelo direito também.
-Lorena, você está bem filha? Minha fala por trás da porta do meu quarto segundos após meu repentino tombo.
Levanto-me rapidinho e me jogo na cama de novo.
-Estou sim mããe, só tropecei no tapete! Digo tentando soar o mais natural possível mesmo depois daquele maldito sonho.
-Posso entrar querida?
-Claro.
 Mamãe entra e senta-se aos meus pés na cama,em seus lábios vejo um caloroso sorriso,já em seus olhos vejo cautela,preocupação,ela está preocupada com tudo que aconteceu ontem .
-Bom dia!
-Bom dia mãe.
-Dormiu bem, teve bons sonhos?

Oh! Se ela soubesse o que eu sonhei...
-Sim, perfeitamente maravilhoso. Respondo sarcasticamente.
-Conte-me tudo Lola, sei que ontem a noite você realmente não estava pra conversa, mas sou sua mãe, quero o seu bem e de agora você não escapa mocinha!
Continuo não querendo conversar, mas não posso fugir do que realmente aconteceu e nem de um interrogatório de Dona Helena logo pela manhã. 
Olho para minhas mãos que repousam sobre minha colcha de cama,menos para os olhos da minha mãe,não quero que ela veja a minha dor,encho o peito de ar e coragem e assim começo a falar.
-Deu tudo errado, eu achei que ele ainda me amava, que era só uma fase, mas não, eu estava tão enganada,ele não me ama mais mamãe!
-Fui atrás dele como uma idiota, só para vê-lo me tratar como a "Mulher Invisível" e me humilhar se esfregando em uma "Vagaranha Gostosona".

Ódio e vergonha dominam meu corpo.
Ódio por Alex e por como terminou nosso namoro, ódio por ama-lo e por nunca, nunca ter pensado que ele faria tal coisa comigo e vergonha, por tudo que ele me fez noite passada depois de tudo o que vivemos nesses 3 anos que estivemos juntos.
Nunca faria com ele o que ele fez comigo, mesmo se não o amasse mais o respeitaria e ao que vivemos.
E como esquecer tudo o que vivemos?
Foi a um pouco mais de 3 anos, mas parece que foi ontem.
Alex tinha acabado de se mudar para a casa logo ao lado da minha com seus pais o Sr. e Srª. Dias.
Naquela tarde alguém tocou a nossa campainha, ao abrir o portão de nossa residência, Alex estava lá.

-Boa tarde, acabei de me mudar para casa aqui bem ao seu lado, você teria uma chave de fenda para me emprestar?
-Oh, sim... Espere só um estante...???
-Alex Dias, prazer!
-Lorena , Lorena Novaes.
Não teve toque algum, apenas ele sorriu para mim e eu retribui o sorriso e ambos ficamos como estátuas olhando para cara um do outro.
-É, bom, vou lá dentro pegar a chave de fenda e já volto! eu lhe  disse meio sem jeito.
Depois disso ficou mais fácil, tanto eu como ele tínhamos 16 anos, frequentávamos o mesmo bairro, a mesma escola e até os mesmo amigos.
Nosso primeiro beijo foi no portão da minha casa.
Nosso primeiro amasso atrás da quadra da escola.
O primeiro "EU TE AMO"dele estávamos sentados no sofá da minha sala, comendo pipoca e vendo"10 coisas que eu Odeio em você" meu filme preferido.
Já o meu primeiro "EU TE AMO" escrevi no caderno dele.

E a nossa 1 vez fazendo amor foi no quarto dele.
-Ai Alex, eu não sei... E se seus pais chegarem?
Eu morro de infarto mega fulminante do coração!
-Está tudo bem Amor, só deixe tudo acontecer... Você quer?
-Eu quero, mas...  e se não for a hora certa e se doer e se eu não souber o que fazer e depois você me deixar?!
Alex me beija calorosamente,me deitando em sua cama e me petrifico.
Não demorando muito vem ao meu ouvido e me diz cada palavrinha em um sussurro,como se fosse um segredo meu e dele o que iria me falar.
-Temos 17 anos e somos virgens Lola, mas isso não é o mais importante, quero que você seja minha primeira e única, temos quase 1 ano de namoro, nos conhecemos tanto Amor e eu nunca te deixaria, nunca!
-Então vamos nos entregar,faça amor comigo Lola,faça!
 Eu acreditei em cada sílaba que saia daquela boca que eu tanto amava e me entreguei.
Maldito seja por suas falsas palavras e falsas promessas!

Realmente acreditei nele, realmente pensei que seria pra sempre, mas tudo mudou a dias atrás.
-Lorena, precisamos conversar.
Lorena? Alex nunca me chama assim.
-O que foi Alê, tem algo errado?
-Acho que deveríamos dar um tempo Lorena.
-O-o-oque Alex?
Alguém puxou de mim o chão sobre meus pés e eu caí no absoluto nada.
Senti meu corpo fraquejar, minha garganta se fechar e meus olhos arderem,eu só podia ter ouvido mal,só podia ser isso.
-O que está me dizendo?Por-porque Alex? O que eu fiz?
-Não é nada com você Lola, apenas acho que passamos tempo demais juntos, já faz 3 anos que nos relacionamos e nunca tivemos mais ninguém, você não acha?

-O que você quer dizer? Eu não te satisfaço? Você enjoou de mim?
-Claro que você me satisfaz! Mas comecei a pensar em como seria transar com outras meninas, você nunca pensou em como seria transar com outros caras?
Me sinto estupefata, como ele ousa?
Dou-lhe um tapa em cheio na face, ainda não acreditando no que acabei de ouvir.
-Não seu desgraçado de uma figa,pra mim sempre foi você!
Alex me olha surpreso, sua face marca meus 5 dedos, ele alisa o local mais como uma carícia e isso me deixa mais enfurecida.
-Como pode pensar isso de mim seu pervertido de merda?
Depois destes anos juntos você ainda não me conhece?
Pelo jeito não né Alex? Porque eu acabei de ver que eu também não lhe conheço!

Eu quero espanca-lo, lhe xingar de todos os malditos nomes que me lembrar, quero dar a ele a mesma dor que está me dando por cada atrocidade que acabou de me dizer, mas não tenho forças, estou quebrada, só quero que ele suma da minha frente e eu possa chorar, chorar e chorar.
-Lola, deixe-me mais uma vez tentar te expli...
-Cala a boca Alex e suma daqui!
-Não Lola, , deixe me...
-Quer que eu te esbofeteie mais uma vez? Suma!
Desta vez ele não insiste e se vai, levando com ele a Lorena forte que eu tentei mostrar na sua frente, porque a que aqui permaneceu está fraca, como uma casca vazia e só quer se deixar cair ao chão.
Lembrando de tudo devo ter começado a chorar e nem percebi, sinto meu rosto molhado e quente, não tem como disfarçar,sei que minha mãe viu o quanto estou mal.
-Ó querida, não chore! Minha mãe diz docemente e me abraça. 
Retribuo o abraço lhe apertando tanto como se nunca fosse lhe deixar sair de meu alcance,não quero que ela tenha mais uma dor para jogar em seus ombros,não depois do que ela passou por meu pai, o bastardo do Alex não merece isso vindo nem de mim e nem de minha mãe!
-Tudo bem mãe, hoje ainda dói, mas amanhã vai passar.
 Sim, vou fazer passar e nunca mais confiarei em ninguém de novo,nunca mais entregarei meu coração, nunca mais vou amar.

Continua...




27 comentários:

  1. Nanda,
    Adorei!!!
    O Alex é um cachorro, como diz aquilo na cara de pau?! Que cachorro! Tadinha da Lola, espero que o sonho dela com o Lucas se realize. Tô mega curiosa para saber como eles vão se encontrar.
    Ta escrevendo super bem, amiga!
    Bjs

    http://achadosdamila.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai amiga fico tão feliz que vc gostou! espero mesmo que continue lendo,tem tanta coisa pra acontecer! Pior que é Lola além de sofre por Lucas Alex ela sofre tb pelo occorido entre sua mãe e seu pai...mais lá na frente vc vai saber!
      mais uma vez obg!

      Excluir
    2. Tá me deixando curiosa, ainda mais curiosa! Adorando Caótica!
      Bjs

      Excluir
    3. Mais uma vez agradeço Parceira!

      Excluir
  2. Bom dia a excelente semana!!
    Vou ficar por aqui um tempão, recuperando os dias que fiquei fora.
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg Ritinha! lhe desejo uma ótima semana tb! fique o tempo que quiser minha linda.

      Excluir
  3. Quero a continuação hahhahahah Quando você vai postar ? hahahahhah
    Adoro seus posts serio mesmo...Fico super curiosa para ler o próximo..São ótimos..

    Obrigado pela visita ao blog, fiquei feliz em sabe que a postagem de hoje te ajudou..nó proximo post ensino como configurar ...fica de olho.

    MUNDO DE BLOGUEIRA

    Beijao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa,que bom que vc apareceu! obg e que bom que gostou! esta semana ainda tem cap. novo de Caótica!

      Excluir
  4. Adorei... aguardando a continuação :)


    Bjin pra ocê!
    Tem post novo:
    http://vermelhocerejaa.blogspot.com.br/2013/08/vem-comigo-correr-atras-da-meta.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OBG Thalita, vou ver o post,bejo!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  5. Eu me interessei por esse livro,com certeza vai para minha lista de livros a comprar,amo ler , como minha rotina é muito cheia de afazeres, a minha meta mensal é 2 livros,no momento esto no meio de um livro e em breve começarei meu segundo livro do mês.amei seu blog vou te linkar,parabéns pelo blog com certeza estarei sempre por aqui pescando dicas de livrinhos para ler bjs!!
    http://blogdonadecasatambemsearruma.blogspot.com.br/
    http://deusguianossospassos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico Feliz que gostaste! vou lhe visitar agoraa!

      Excluir
  6. ola namda o livro parecer ser bom eu amei aki seu cantinho e bom saber um pouco sobre livros tambem
    to seguindo e ficaria muito feliz se sguisseo omeu blog tambem
    Beijos maria Complicada & Imperfeita* Adolescente*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostaste! Ainda não é um livro por completo,estou a escreve-lo e é de minha autoria! sigo sim querida!

      Excluir
  7. Nanda querida, vi seu comentário la no blog, e adorei a ideia. Eu adoro seu blog e ficarei feliz em fazer parceria com você ..
    Me mande um e-mail para a gente conversar .

    E-mail

    Super Beijo
    MUNDO DE BLOGUEIRA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok perfeita♥ ico feliz que aceitou!!!

      Excluir
  8. nossa, adorei esse livro, deve ser bom.

    Obrigada por visitar meu blog de volta, acabei de postar um texto novo, se quiser der uma passa, agradeço, bjs.

    http://pedacosdelembrancas.blogspot.com.br/2013/08/mas-nao-vou-ficar-aqui.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg Ke,ainda não é um livro pois estou ainda a escrever..e é de minha autoria!
      Fico feliz que tenhas gostado!

      Excluir
  9. oi flor te seguindo! vem conhecer meu cantinho *-* ,pinkbjs.
    http://pinkbelezura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida,claro já estou indo lhe visitar,volte sempre!

      Excluir
  10. Poxa, queria estar acompanhando. Vou ler o primeiro capitulo. E, parece ser bom, porque você escreve bem.

    xx,
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  11. Adorei seu blogger....
    Seguindo! :)

    Siga ai se gostar: make-up-goe.blogspot.com.br

    'Beijooos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou já lhe visitar,volte sempre!

      Excluir
  12. que sonho ah?
    Ai aquele Alex. Que grande cabrão! (pode-se dizer asneiras? oh well, tarde de mais). Ele é um grande fdp mas estou curiosa com a explicação que ele lhe ia dar.
    " Sim, vou fazer passar e nunca mais confiarei em ninguém de novo,nunca mais entregarei meu coração, nunca mais vou amar." - cof cof cof ahahah

    ResponderExcluir
  13. Hahahahah pode dizer asneira amiga,estas em casa!

    ResponderExcluir

*Deixe seu comentário aqui.
*Deixe sempre o URL do seu blog para que eu possa retribuir a quem realmente leu e comentou o conteúdo do post.
*Será totalmente desconsiderado quaisquer assuntos que fuja do assunto referente a tal post.
*Responderei a todos assim que poder!
*Educação sempre né gente, então nada de comentários maldosos.
Obrigado.

♥ Theme por Erica Pires e Edito por Nanda Tavares © 2013 • Powered by Blogger • Todos os direitos reservados •• Topo